É Top Saber - Notícias e Análises

Redes sociais

Vazamento dos gasodutos do Nord Stream foi sabotagem, dizem autoridades suecas

GettyImages-1243595779.jpg

Compartilhe:

Investigadores encontraram vestígios de explosivos no local dos oleodutos NordStream danificados, confirmando que houve sabotagem, disse um promotor sueco nesta sexta-feira (18).

As autoridades suecas e dinamarquesas estão investigando quatro buracos nos oleodutos Nord Stream 1 e 2, que ligam a Rússia ea Alemanha através do Mar Báltico e se tornou um ponto crítico na crise da Ucrânia.

UMA Dinamarca disse no mês passado que uma investigação preliminar mostrou que os vazamentos foram causados ​​​​por fortes explosões. “A análise agora realizada mostra vestígios de explosivos em vários dos objetos que foram recuperados”, disse o Ministério Público sueco em um comunicado. “A investigação é altamente complexa e abrangente. A investigação em andamento determinará se algum suspeito pode ser identificado”, acrescentou.

A promotoria se comprimiu a fazer mais comentários.

Sismólogos na Dinamarca e na Suécia disseram anteriormente que haviam registrado tremores nas imediações dos vazamentos e que os sinais não se assemelhavam aos de terremotos.

As rupturas de 26 de setembro dos oleodutos do fundo do mar, expelindo gás no oceano que borbulhou na superfície na semana seguinte, alertaram de perigo público e temores de danos ambientais.

Uma seção medindo pelo menos 50 metros está faltando no Nord Stream 1, informou o jornal sueco Expressen em 18 de outubro, depois de filmar o que disse serem as primeiras imagens divulgadas publicamente dos danos.

O ministério da defesa da Rússia disse no mês passado que o pessoal da marinha britânica explodiu os oleodutos, uma alegação de que Londres disse ser falsa e destinada a desviar a atenção das falhas militares russas na Ucrânia.

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *