ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

Relatório de empregos e corte de taxas do BCE proporcionam golpe duplo

A 07a6be.jpg

Compartilhe:

Sexta-feira desferiu um golpe duplo no mercado de Bitcoin, expondo a sensibilidade da criptomoeda às areias em constante mudança da economia global. O preço do ativo digital caiu abaixo de US$ 70.000 depois que um desconcertante relatório de empregos nos EUA colidiu com uma surpresa redução da taxa de juros pelo Banco Central Europeu (BCE).

O principal ativo criptográfico foi pego na mira de sinais econômicos conflitantes e manobras do banco central. O declínio expôs a vulnerabilidade da criptomoeda às marés em constante mudança das finanças globais.

Empregos Enigma sacode mercado

Um aparentemente positivo Relatório de empregos nos EUA, ostentando um crescimento robusto do emprego, inicialmente impulsionou o sentimento. No entanto, a alegria durou pouco, pois um aumento preocupante nos números do desemprego para 4% pintou um quadro mais complexo. Esta reviravolta inesperada – crescimento acompanhado de desemprego – abalou os investidores, levando a uma liquidação no mercado de Bitcoin.

Os sinais contraditórios sugeriram um possível cenário de “estagflação de crescimento”, onde a criação de emprego ocorre juntamente com a estagnação económica e a inflação. Esta ambiguidade causou alguma turbulência no mercado de criptomoedas, expondo Bitcoin ao aumento da vulnerabilidade.

Jogo de xadrez do Banco Central adiciona confusão

Para complicar ainda mais a situação foi o corte surpresa da taxa de juro por parte do BCE. O banco central reduziu a sua taxa de referência de 4% para 3,75%, a primeira redução em cinco anos. Tradicionalmente, taxas de juros mais baixas podem tornar ativos mais arriscados como o Bitcoin mais atraentes em comparação com investimentos tradicionais de menor rendimento.

BTCUSD trading at $69,305 on the 24-hour chart: TradingView.com

No entanto, o efeito positivo foi atenuado pela negatividade decorrente do relatório sobre o emprego nos EUA. Até que as perspectivas económicas gerais sejam esclarecidas, os investidores continuam hesitantes em abraçar o Bitcoin como um porto seguro.

Decisão do Fed: o eixo para o futuro do Bitcoin

Todos os olhares voltam-se agora para a próxima reunião da Reserva Federal em Junho, considerada crucial para criptomoedas' futuro imediato. A decisão do banco central sobre as taxas de juros terá um impacto significativo no preço da criptomoeda.

Embora historicamente as taxas mais baixas tenham beneficiado a criptomoeda, as preocupações sobre as intenções do Fed estão forçando os investidores a adotar uma abordagem de esperar para ver. Os economistas estão a rever as suas previsões, com alguns antecipando cortes nas taxas no final do ano, enquanto outros acreditam que uma redução poderá ocorrer já em Novembro.

Teste de navegação do Bitcoin

As próximas semanas serão um teste crucial para a capacidade do Bitcoin de resistir às tempestades econômicas. A decisão do banco central e a trajetória da economia dos EUA, particularmente a taxa de desemprego, serão fatores críticos. A redução das taxas do BCE poderá oferecer algum apoio, mas a incerteza económica prevalecente continua a ser um desafio significativo. O Bitcoin é essencialmente apanhado no fogo cruzado das manobras do banco central, com o resultado a impactar diretamente o seu preço.

Imagem em destaque da Holborn Assets, gráfico do TradingView

Fonte

Leave a Comment