Rapper Nas vai permitir que fãs possuam parte de sua música através de NFTs

0 7
O premiado rapper Nas lançará tokens não fungíveis (NFTs) que permitirão que seus fãs possuam uma participação em duas de suas músicas, “Ultra Black” e “Rare”.

Os usuários que compram e detêm os NFTs, chamados de ativos digitais limitados (LDAs), receberão uma porcentagem específica de propriedade de royalties de streaming, dependendo do token que possuem.

“Ultra Black” vem do álbum vencedor do Grammy 2021 de Nas Doença do Rei, enquanto “Rare” é do álbum seguinte indicado ao Grammy de 2022 Doença do Rei II. A primeira música terá uma oferta limitada de 760 tokens, enquanto a última terá 1.110. Ambos serão lançados em 11 de janeiro e os compradores poderão adquirir os tokens por ordem de chegada.

Os LDAs serão vendidos através da plataforma de música NFT Royal.

Em novembro de 2021, o CEO da Royal, Justin “3lau” Blau, disse ao Cointelegraph que o objetivo número um da plataforma é permitir que os fãs sejam coproprietários da música de seus artistas favoritos. “Estamos começando com um grupo de artistas selecionados para nossas vendas iniciais, mas planejamos abrir a plataforma para mais artistas no futuro”, disse Blau.

Relacionado: Snoop descarta ‘Decentral Eyes Dogg’ NFT como se estivesse quente

Nas também teria investido na Coinbase, uma das maiores plataformas de troca de criptomoedas, quando se tornou pública no ano passado. Em uma música com DJ Khaled e Jay-Z, Nas se gabou de sua riqueza em criptomoedas e investimento na Coinbase. “Sou baseado em moedas, basicamente a criptomoeda Scarface”, diz Nas na música.

Outro rapper proeminente, Eminem, ingressou recentemente no “Bored Ape Yacht Club” depois de comprar um Bored Ape apelidado de “Eminape” por US $ 462.000 no OpenSea. O rapper é conhecido por possuir vários outros NFTs, como “Ditaggdogg # 1” e “Superlative Apes # 3880”.


Receba gratuitamente o Guia Prático do Bitcoin.

Credit: Fonte

Compartilhe sua opinião.

%d blogueiros gostam disto: