ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

Provas de conhecimento zero versus CBDCs: a luta pela privacidade em meio à tentativa de controle dos bancos centrais

Privacy Cbdc .jpg

Compartilhe:

A preservação da privacidade está se tornando um recurso cada vez mais importante e escasso na atual ‘Era da Informação’ – particularmente no que diz respeito às transações financeiras.

A ascensão das moedas digitais do banco central (CBDCs) foi proposto para criar métodos mais seguros, acessíveis e eficientes para transações financeiras.

No entanto, as preocupações com a privacidade permanecem em torno dos CBDCs – devido à ressalva subjacente de que suas transações mais rápidas e eficientes podem ser monitoradas.

Provas de conhecimento zero (ZKPs) — métodos criptográficos para provar a veracidade de uma declaração sem revelar nenhum detalhe — surgiram como uma possível solução para essas preocupações.

CBDCs: a ascensão das moedas nacionais digitais

O banco central europeu (BCE) e o banco central australiano (ACB) — entre muitos outros bancos centrais — já começou a explorar e adotar CBDCs como uma solução para o clima financeiro digital em evolução.

A presidente do BCE, Christine Lagarde avisou bancos centrais de que eles podem estar “perdendo o papel de âncora que desempenhamos por muitas e muitas décadas”.

“Onde estamos nós, banqueiros centrais? Temos funcionado como uma âncora monetária em relação aos Bancos Comerciais e ao dinheiro privado.”

Simplificado, seguro e econômico

Os CBDCs podem reduzir os custos transacionais, simplificar os sistemas de pagamento e melhorar a inclusão financeira.

Além disso, os CBDCs minimizam a dependência de intermediários enquanto permitem transações em tempo real, melhorando a segurança e a resiliência dos sistemas de pagamento.

Big Brother ‘poderia ser’ é observando você

Apesar dos benefícios que os CBDCs oferecem, os CBDCs também abrem especulações e preocupações significativas em torno da privacidade e da dependência financeira do sistema.

Os CBDCs introduzem caminhos para que instituições financeiras e governos monitorem transações financeiras – potencialmente levando à perda de privacidade de indivíduos que usam CBDCs.

Esse maior acesso concedido a entidades centralizadas torna possível vigiar e controlar as finanças de um determinado indivíduo – potencialmente para suprimir a dissidência ou atingir oponentes políticos.

Particularmente em um regime autoritário – ou pior ainda, totalitário – é possível erradicar a privacidade e exigir dependência financeira do sistema por meio de CBDCs.

Por mais terríveis que algumas dessas preocupações possam parecer, os ZKPs oferecem uma solução corretiva para o dilema de privacidade do CBDC.

ZKPs: Confie sem sacrificar a privacidade

Os ZKPs possibilitam a verificação de uma transação sem expor os detalhes da transação em si – como a identidade da(s) parte(s) ou o valor da transação.

Na realidade dos CDBCs e da tecnologia de monitoramento, os ZKPs podem ajudar a manter a privacidade nas transações digitais, garantindo a validade e a segurança das transações.

Exemplo popular de ZKP: “Caverna de Ali Baba”

Os ZKPs eliminam a necessidade de revelar informações confidenciais para provar a validade das reivindicações. Para ajudar a entender como funciona, usaremos o popular exemplo da “caverna de Ali Baba”:

  1. John entra na caverna pela entrada A ou B – fora da vista de Sally.
  2. Sally — esperando do lado de fora da caverna — escolhe aleatoriamente a entrada A ou B, chamando John para sair pela entrada selecionada.
  3. John usa uma senha secreta para abrir a porta e sair pela entrada solicitada por Sally.
  4. A dupla repete esse processo para aumentar a confiança de Sally na validade da afirmação de John.
  5. Eventualmente, Sally fica cada vez mais convencida de que John sabe a senha – já que ele sempre sai pela entrada que ela solicita.

Neste exemplo, as alegações de John são cada vez mais comprovadas válidas – já que ele sai consistentemente da entrada solicitada -, mas John nunca revela a senha.

Resumindo: John pode provar seu conhecimento da senha sem revelá-la — preservando a privacidade de John e validando suas alegações.

Monero (XMR) e Zcash (ZEC) criptomoedas já incorporaram ZKPs para aumentar a privacidade do usuário.

E se você combinar ZKPs e CBDCs?

Dando um passo atrás para olhar além da perspectiva contrastante de ZKPs versus CBDCs – a combinação dos dois tem o potencial de atingir um equilíbrio relativamente harmonioso.

Os CBDCs emparelhados com a tecnologia ZKP ofereceriam a acessibilidade e a eficiência das moedas digitais e a privacidade oferecida pelas criptomoedas que empregam ZKPs.

Usando essas técnicas criptográficas, os CBDCs poderiam explorar os ZKPs para manter todos os benefícios dos CBDCs, ao mesmo tempo em que fornecem privacidade financeira aos usuários – removendo a principal preocupação atualmente em torno dos CBDCs.

Regulamento, regulamento, regulamento

Embora a combinação de ZKPs e CBDCs possa oferecer uma relação simbiótica para o futuro das finanças digitais, discernir o equilíbrio certo entre supervisão regulatória e privacidade é um desafio.

Os reguladores e a privacidade não oferecem uma relação simbiótica tão tranquila – principalmente devido a regulamentações sobre lavagem de dinheiro, financiamento do terrorismo e evasão fiscal.

Evitar tal ilegalidade requer uma ponderação cuidadosa entre a privacidade do usuário e a transparência seletiva – da qual as informações transacionais são disponibilizadas aos reguladores.

Quem ganha?

Em meio à Era da Informação, a luta pela privacidade continua sendo uma batalha contínua e complicada.

ZKPs e CBDCs podem evoluir transações financeiras e fornecer privacidade aprimorada – mas encontrar o equilíbrio certo entre supervisão regulatória e privacidade continua sendo um desafio para os CBDCs.

Mais pesquisas e colaboração entre soluções de privacidade, governos e bancos centrais são necessárias para desenvolver uma solução que aproveite todos os benefícios dos CBDCs – preservando a privacidade para a era digital que está por vir.

o posto Provas de conhecimento zero versus CBDCs: a luta pela privacidade em meio à tentativa de controle dos bancos centrais apareceu primeiro em CryptoSlate.

Fonte

Leave a Comment