Positivo vence licitação de urnas eletrônicas; ação fecha em alta de 4% Por Bloomberg Línea Brasil

0 22

© Reuters. Positivo vence licitação de urnas eletrônicas; ação fecha em alta de 4%

A Positivo Tecnologia (SA:), sediada em Curitiba (PR), venceu licitação para a produção e fornecimento 176 mil urnas eletrônicas ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), informou a companhia, em fato relevante enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários), nesta segunda-feira (27). A ação da companhia (POSI3 (SA:)) fechou em alta de 4,13%, cotada a R$ 10,08, com giro de negócios acima da média normal.

Segundo o TSE, as urnas serão usadas a partir da eleição de 2024. A concorrência nº 3/21 previa o fornecimento de até 176 mil urnas eletrônicas, bem como de outros produtos e serviços previstos no edital, com um valor global de R$ 1,179 bilhão. A Positivo era a única empresa habilitada no processo licitatório.

Segundo o TSE, o contrato também engloba o fornecimento de peças de reposição da UE2022, desenvolvimento dos modelos dos equipamentos e do software básico, garantia das urnas fabricadas, mídias de aplicação e de resultado, além da elaboração do projeto para a embalagem das máquinas, documentos técnicos de especificação, bem como o treinamento, por meio de kits de desenvolvimento de firmwares.

Após a publicação do resultado do certame pelo TSE no DOU (Diário Oficial da União), a companhia será convocada para a assinatura da ata de registro de preços, que tem prazo de validade de 12 meses, a contar da data da publicação no DOU.

“Os fornecimentos ocorrerão a partir das oportunas formalizações dos contratos de fornecimentos com prestação de serviços, em lotes que venham a ser requeridos pelo TSE, observando-se todas as disposições contratuais e legais aplicáveis”, afirmou o vice-presidente de finanças e de relações com investidores da Positivo Tecnologia, Caio Gonçalves de Moraes.

Ao vencer a licitação do TSE, a companhia fortalece sua unidade de negócios Instituições Públicas, que ganha relevância nos resultados financeiros devido ao aumento de contratos de licitações, em especial para atendimento a clientes de educação e bancos públicos. A companhia conquistou editais em áreas governamentais como fornecimento de serviços envolvendo totens junto à PRODESP; notebooks para o Banco do Brasil (SA:); smartphones para os Correios; desktops e notebooks para a Petrobras (SA:); e, recentemente, o fornecimento de HaaS para a companhia de Saneamento do Paraná.

Nos nove primeiros meses de 2021, o lucro líquido da empresa totalizou R$ 161 milhões, três vezes maior que o registrado no mesmo período de 2020, tendo registrado um resultado recorde de Ebitda (geração de caixa) de 12 meses de R$ 348 milhões, avanço de 226%.

Recente relatório da XP sobre o “investor day” da companhia, realizado em novembro, reiterou recomendação de compra para POSI3 com preço-alvo de R$ 16 para o final de 2022. Assinado pelos analistas Bernardo Guttmann e Marco Nardini, o relatório, intitulado “No Caminho Certo”, destaca que a Positivo expandiu seu portfólio para ampliar seu mercado endereçável (notebooks Positivo, Compaq, Vaio, 2AM, ANKER, Positivo Casa Inteligente, Smartphones Positivo, Infinix, Tablets Positivo). “Atualmente, o Positivo detém cerca de 3% do market share total de máquinas de pagamento, e espera acelerar o crescimento a partir de 2022. A empresa planeja não só vender maquininhas, mas também oferecer serviços recorrentes com as máquinas vendidas e uma potencial verticalização da rede”.

Líder em terminais inteligentes de pagamento (Smart POS), a companhia possui um parque instalado em mais de 5 milhões de dispositivos Android no Brasil e cerca de 800 mil terminais de pagamento. A Positivo Tecnologia recentemente também assinou contrato de parceria com a Stone (NASDAQ:) para fornecer máquinas inteligentes de pagamento e também firmou parceria com a NEXGO, a fim de aproveitar o que chama de “momento oportuno” no mercado de soluções de pagamento.

A Positivo Tecnologia completou, neste mês, 15 anos de negociação de ações em Bolsa de Valores. Em comemoração à data, a B3 (SA:) promoveu ato simbólico com toque de campainha, no último dia 17,, na sede da instituição em São Paulo. Nos últimos dois anos, o volume médio de negociações diárias cresceu significativamente, assim como o valor das ações, que manteve valorização acima do índice . O aumento de liquidez das ações resultou na entrada de POSI3 no IBRx-100, índice das 100 ações mais líquidas da Bolsa.

Ver mais em Bloomberg Línea Brasil

Receba gratuitamente o Guia Prático do Bitcoin.

Credit: Fonte

Compartilhe sua opinião.

%d blogueiros gostam disto: