Starbucks deixa claro que não aceitará Bitcoins como forma de pagamento.

Starbucks deixa claro que não aceitará bitcoins como forma de pagamento.

A Starbucks é uma empresa multinacional, com a maior cadeia de cafeterias do mundo, tendo sua sede na cidade de Seattle, estado de Washington, nos Estados Unidos.

Notícias recentes de que a Starbucks fez uma parceria com a Microsoft, a Bolsa Internacional e algumas outras empresas para lançar um empreendimento de criptomoedas chamado Bakkt, alimentaram relatórios de que a Starbucks está se preparando para começar a aceitar o Bitcoin em suas lojas.

A Starbucks deixa claro que não aceitará bitcoins como forma de pagamento e esclarece toda a confusão.

O grande foco da parceria é na verdade, criar uma “rede global integrada” para o gasto de ativos digitais, como o bitcoin. A vice-presidente de pagamentos da Starbucks disse que a empresa desempenharia “um papel fundamental no desenvolvimento de aplicações práticas, confiáveis ​​e regulamentadas para os consumidores converterem seus ativos digitais em dólares para uso na Starbucks”.

Isso foi o suficiente para as agências de notícias e várias manchetes anunciarem que os clientes da Starbucks em breve poderiam pagar por seus chás e lattes com Bitcoin, só que não é bem assim.

Os clientes não poderão pagar os Frappuccinos com Bitcoin“, disse um porta-voz da Starbucks à emissora, refutando uma reportagem da CNBC publicada na sexta-feira.

Facebook Comments

Leonardo

About Leonardo

Escritor do site É TopSaber , em busca de levar as melhores notícias do mundo para você.

View all posts by Leonardo →

Deixe o que achou sobre essa informação