Tom Lee diz que preço do Bitcoin pode chegar a US$15 mil com realização de conferência.

Tom Lee diz que preço do Bitcoin pode chegar a US$15 mil com realização de conferência.
Compartilhe

O Analista de Wall Street e co-fundador da Fundstrat Global Advisors, Tom Lee, está convicto de que a realização da conferência Consensus 2018, terá um efeito positivo sobre a dinâmica do mercado das criptomoedas:

Esse ano será a maior conferência do mundo, já que será visitada por ainda mais pessoas do que no passado. Além disso, as cotações das criptomoedas estão agora mais baixas que no início do ano, então acreditamos que a Consenso terá um impacto ainda maior este ano.

A Consensus, uma das maiores conferências sobre criptomoedas, será realizada de 14 a 17 de Maio, na cidade de Nova York, Estados Unidos. O preço do Bitcoin tem se recuperado.

A conferência Consensus está em sua quarta edição e espera atrair cerca de 7.000 defensores das criptomoedas.

Tom Lee destaca que, as edições anteriores do evento coincidiam com ganhos de preço do Bitcoin entre 10 e 70% após a Consensus.

Neste ano, ela pode causar uma rápida recuperação do Bitcoin para a marca de US$15 mil. Se a análise feita por Lee nos anos anteriores também se concretizar em 2018, podemos ver o preço do Bitcoin ir além dos US$15 mil.

Se a sua teoria sobre os ganhos deste ano for maior do que a anterior, poderemos ver o Bitcoin atingir novamente sua máxima histórica. Vale destacar que Tom Lee confia que até o final do ano, o preço do Bitcoin atingirá US$25 mil.

Ele acredita que o preço irá subir mais que sua maxima histórica e chegará a US$25 mil até o final de 2018. Ele também relatou anteriormente que Bitcoin valer US$100 mil é compreensível. Lee destacou que não era totalmente certo de que o Bitcoin alcançaria ganhos tão grandes.

Ele comentou preocupações regulatórias como potencialmente limitadoras de um rally pós-evento:

“O que poderia dar errado? Comentários sobre riscos regulatórios durante a Consensus são negativos. porém, não esperamos que isso ocorra”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *