ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

Imagens mostram transferência de sobrinho de Marcola para presídio no Ceará

Transfere.jpg

Compartilhe:

Imagens divulgadas nesta sexta-feira (28) mostram o forte esquema de segurança e escolta policial para a transferência de Leonardo Alexsander Ribeiro Herbas Camacho, sobrinho de Marco Willian Herbas Camacho, o Marcola, líder máximo do PCC. Ele saiu de Santa Catarina para um presídio de segurança máxima do Ceará.

A Polícia Federal aponta Leonardo também como membro da facção criminosa e responsável por movimentar ilegalmente R$ 300 milhões com jogo do bicho e lavagem de dinheiro com apostas, estando diretamente ligado ao número 1 do grupo.

O jovem de 25 anos foi preso em Santa Catarina em abril durante a Operação Primma Migração pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (Ficco) e foi transferido para a unidade de segurança máxima do Ceará.

Ele é filho de Alejandro Juvenal Herbas Camacho Júnior, 52, também integrante da cúpula do PCC, e foi preso por agentes da Polícia Federal em 24 de abril deste ano, em um condomínio de luxo na cidade de Itajaí (SC).

Segundo os investigadores, Leonardo é acusado de ter administrado, a partir de Santa Catarina, negócios ilícitos ligados ao jogo do bicho, tráfico de drogas e de armas no estado do Ceará.

A Justiça do Ceará enviou em 12 de junho ofício à Corregedoria dos Presídios de Fortaleza comunicando a autorização de recambiamento do preso para uma prisão de segurança máxima daquele estado. A transferência foi realizada no dia 18, sob sigilo para evitar possível resgate.

Segundo a PF, a investigação levantou indícios de que parte dos R$ 300 milhões movimentados pela organização criminosa seriam empregados na corrupção de servidores públicos. Foi decretada a prisão de dois policiais militares por pertencerem ao núcleo logístico da organização.

Ao todo, 22 mandados de prisão preventiva foram cumpridos, além de 36 mandados de busca e apreensão no Ceará, em São Paulo, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul, além do sequestro de 42 veículos de luxo.

Fonte

Deixe um comentário