ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

Garotos de programa são presos suspeitos de chantagear clientes no Rio

Pedrodominador3.jpg

Compartilhe:

Uma operação policial prendeu, nesta quinta-feira (6), garotos de programa acusados ​​de práticas de extorsão, no Rio de Janeiro.

As prisões aconteceram em São João de Meriti, Baixada Fluminense.

Três pessoas foram detidas: Ronaldo da Silva Gonçalves, Cynara Ferreira da Silva (mãe de um dos garotos do programa) e Fábio dos Santos Pita Junior, conhecido como “Pedro Dominador”.

O delegado Álvaro de Oliveira Gomes, titular da 21ª DP (Bonsucesso), afirmou à CNNque uma das vítimas encontrou “Pedro Dominador” em sites de relacionamento e logo após os primeiros encontros, foi ameaçada com possível divulgação de fotos íntimas.

Os suspeitos atuaram em conjunto, no início, apenas um chantageava a vítima, mas na sequência, mais de um criminoso entrou em cena e também mandou mensagens ameaçando divulgação de fotos e vídeos íntimos. Outra parte da quadrilha administrava o dinheiro obtido com o crime.

A CNN teve acesso aos áudios dos criminosos ameaçando e extorquindo possíveis vítimas.

”Vou falar com o seu pai que estava namorando e ficando e ele vai resolver. Se você não resolver, ele vai pagar. Vou mandar fotos e vídeos, porque eu gravei tudo. Olha aí, veja se esse não é o teu pai. Acho bom você me responder. Vou te dar 30 minutos para você pensar”, ameaçou um dos criminosos.

Ao todo, foram identificadas pelo menos cinco vítimas, uma delas desembolsou quase R$ 75 mil em pagamentos aos suspeitos.

Suspeitos serão indiciados por extorsão
Suspeitos serão indiciados por extorsão / Divulgação 21ª DP

“A vítima com medo, obviamente, cedeu à chantagem e começou a fazer pagamentos, quando ele [criminoso] Senti que a vítima já estava arrefecendo, até porque já não tinha mais tanto dinheiro, ele começou a exigir novos valores, mandando fotos de dados dos parentes”, diz o delegado

De acordo com o delegado, os suspeitos serão indiciados por extorsão e associação criminosa.

Fonte

Leave a Comment