É Top Saber - Notícias e Análises

Redes sociais

Confira como dicas do BTG Pactual para controlar as finanças e atingir objetivos

Foto-CNN-Cartao.png

Compartilhe:

O primeiro passo para se organizar financeiramente é fazer um mapeamento sobre o uso do dinheiro, saber quanto e de onde ele vem, e para onde ele está indo. Para isso, é necessário registrar todos os ganhos, que pode ser o salário fixo e/ou outras possíveis fontes de renda e todos os custos. Só assim dá ter uma noção clara do uso do dinheiro ea partir disso, fazer um planejamento para otimizar os recursos e fazer planejamentos render.

Segundo Diogo Dias, responsável por Benefícios no BTG Pactual, “Não existe uma fórmula mágica ou um caminho fácil para o sucesso. Mas algumas regras podem ajudar no dia a dia e uma das mais conhecidas é a 50-30-20, que ajuda a criar um equilíbrio entre obrigações, objetivos e lazer”. O método ensina que 50% da renda deve suprir as necessidades básicas, como alimentação, transporte e moradia. 30% podem ser ajustados aos itens que você compra e deseja, mas não necessariamente. E construir os 20% que restam devem ir para os objetivos financeiros, como uma reserva de emergência, pagar as dívidas e poupar para a aposentadoria.

Muita gente até tem consciência de como iniciar o processo, mas só de pensar em anotar tudo no papel ou em planilhas, acabando por fazer a organização de lado. No entanto, com o avanço da transformação digital, existem novas completas que fazem a gestão financeira, de forma rápida, prática e intuitiva.

O Finanças+ é um exemplo de ferramenta atrelada ao uso da conta corrente e cartão do BTG Pactual, que pode ser acessado diretamente pelo aplicativo BTG Pactual Banking. Com essa funcionalidade, que a tecnologia e inteligência de dados, dá para ter o controle de todos os gastos e melhorar a relação com o dinheiro.

Toda feita na conta corrente, tanto como entrada de saída, e não de cartão de débito e crédito do BTG Pactual, é feita e organizada automaticamente. As despesas são classificadas por categorias e Tag que o próprio cliente pode criar como: alimentação, compras, transporte, lazer, contas, reforma, compras de Natal, etc. das despesas e ajudar a manter o controle.

O app mostra quanto entrou quanto também saiu da conta para você acompanhar o resultado do mês de uma forma simples, ter mais clareza do seu fluxo de caixa e de quanto pode direcionar para investir.

Através do Open Finance, ainda é possível agregar contas de outros bancos na visão das Finanças+ para fazer uma gestão completa da vida financeira, entender e construir os melhores hábitos no dia a dia e chegar mais perto dos objetivos.

O cartão de crédito pode ser um aliado

Outro ponto crucial na organização financeira é o cartão de crédito que, quando bem utilizado, traz vários benefícios e pode ser um grande aliado no controle das despesas.

Ivan Carneiro, responsável pelos Cartões no BTG Pactual, traz algumas dicas e cuidados no uso do cartão. A primeira delas é tentar centralizar seus gastos em apenas um único cartão de crédito em vez de distribuir os gastos em vários cartões. Assim fica mais fácil controlar a fatura e quanto o orçamento está comprometido. Concentrar os gastos no cartão também pode trazer benefícios como a mensalidade e, no caso do BTG Pactual, até 1% de dinheiro de volta em investimentos todo mês.

Mesmo que seu limite seja alto, estime uma meta realista e não ultrapasse este valor. Controle os gastos pelo aplicativo do banco e tenha sempre em mente que o limite do cartão não é equivalente à sua renda.

A hora das compras também exige atenção. Por mais que seja tentador pagar em até 12 vezes sem juros, é preciso ter cuidado para não parcelar várias compras que acabam, comprometendo o orçamento do mês. Além disso, busque pagar as faturas em dia. Quem fica inadimplente ou atrasa uma fatura, arca com diversos encargos e juros. Dica extra: mesmo que não consiga pagar o valor completo da fatura, vale mais a pena parcelar o total e pagar a primeira parcela dentro do prazo, do que no crédito rotativo, pois as taxas do parcelamento costumam ser mais baixas do que do que do rotativo.

E na hora de escolher o cartão no qual você vai avaliar a sua vida financeira disponível. Muitos bancos são a mensalidade do cartão de crédito por concentrados gastos, investimentos ou fazer uma portabilidade de salário. No BTG Pactual, a isenção, clientes podem ser tanto pelo volume de investimentos na plataforma, quanto pelo volume de investimentos na plataforma, além disso, contam com isenção de portabilidade e acesso aos cartões platinum e black gratuitamente com Invest+.

O Banco ainda oferece benefícios extras para quem tem o cartão Black, que pode optar pelo IOF Especial e garantir 5,28% de dinheiro de volta nas compras internacionais. Esse benefício igual ou valor do IOF cobrado nas casas de câmbio para o dinheiro físico, e garante a segurança e praticidade de usar o cartão no exterior. Por exemplo, se você gastar no cartão BTG Black R$ 10.000 em uma viagem internacional com os benefícios você receberá de volta na fatura R$ 528 e ainda se tiver o Invest+, recebe R$ 100 de cashback em um fundo de investimento de sua escolha.

Para saber mais sobre o BTG Pactual, acesse o local.

Fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *