ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

CFTC 'feliz' em se tornar o regulador primário para ativos digitais, reduzindo o papel da SEC – Presidente Behnam

Rostin Behnam Cftc.jpg

Compartilhe:

Presidente da CFTC Rostin Behnam disse que a agência está aberta a servir como reguladora primária para criptomoedas durante uma audiência do Comitê de Agricultura do Senado sobre supervisão de commodities digitais.

A audiência, realizada em 10 de julhoamplamente relacionado ao pedido da CFTC por mais autoridade regulatória.

Senador Roger Marshall perguntou a Behnam se seria “mais simples” tornar a CFTC um regulador primário para ativos digitais, deixando um pequeno número de “ramificações” para a SEC lidar.

Behnam respondeu:

“Falo por mim, [we] ficaria feliz em fazer isso. Acho que temos a capacidade de fazer isso, a expertise e a experiência.”

No entanto, Behnam disse que mudanças nas definições de títulos e commodities seriam necessárias se a CFTC assumisse a autoridade primária.

Cooperação com a SEC é valiosa

Anteriormente, Marshall perguntou a Behnam se ele apoiava que a SEC tivesse a capacidade de decidir quais ativos estão sob a jurisdição da CFTC.

Behnam disse que não apoia que a SEC tome tais decisões sozinha, mas acrescentou que as duas agências trabalham juntas para definir ativos em áreas cinzentas há cerca de 50 anos.

Marshall também perguntou se a CFTC está preocupada em enfrentar processos judiciais sobre designações de ativos conflitantes. Behnam disse que “não pode dizer que isso não vai acontecer”, mas a cooperação entre a SEC e a CFTC ajudará a abordar novas questões legais.

Behnam reconheceu as preocupações de Marshall de que os legisladores poderiam permitir tais processos, mas enfatizou a necessidade de um sistema de listagem de contratos que corresponda aos poderes existentes da CFTC e permita a cooperação com a SEC. Behnam disse:

“Acredito que há uma maneira de construir um sistema de listagem de contratos que não prolongue ou atrase a listagem de contratos em um mercado regulamentado.”

Behnam disse que a CFTC quer introduzir tokens e contratos em mercados regulamentados “o mais rápido possível” para reduzir ou eliminar os riscos dos investidores.

Maioria

Behnam acredita que uma parcela significativa do mercado de criptomoedas deve ficar sob a alçada da CFTC, pois não pode ser classificada como títulos. Durante a audiência, Behnam disse que mais de 70% a 80% do mercado de criptomoedas não se enquadra na categoria de títulos, deixando a área sem supervisão federal direta.

Ele disse que a CFTC precisa de pelo menos US$ 30 milhões no primeiro ano e pelo menos US$ 50 no segundo ano para estabelecer um regime regulatório. O financiamento iria para gastos com pessoal, administração e TI. As taxas de usuário enviadas pelos registrantes compensariam os fundos solicitados.

Behnam também confirmou as preocupações do senador Cory Booker sobre urgência, afirmando que se a CFTC não ganhar autoridade, a fraude e a manipulação continuarão a impactar indivíduos nos EUA.

Mencionado neste artigo

Fonte

Deixe um comentário