ÉTopSaber Notícias e Criptomoedas

Redes sociais

Bitcoin emerge como ativo de refúgio seguro com correlação com o ouro em alta de 2 anos

A 146.png

Compartilhe:

Bitcoin, a moeda digital que já foi considerada um investimento volátil, encontrou um aliado surpreendente na forma de uma commodity milenar: o ouro.

Desde março, a correlação entre a criptomoeda alfa e o metal precioso aumentou constantemente, proporcionando aos investidores um refúgio seguro diante da crise bancária em andamento e do aumento das taxas de juros.

Mas o que exatamente está impulsionando essa parceria inesperada entre Bitcoin e ouro e quanto tempo ela pode durar?

Bitcoin supera o ouro em meio à crise bancária

À medida que a crise bancária continua a abalar o mundo financeiro, os investidores estão se voltando para o Bitcoin como um refúgio seguro para seu dinheiro. Na verdade, muitos estão escolhendo a criptomoeda em vez do tradicional ativo de refúgio, o ouro, por causa de seus retornos mais altos e maior estabilidade.

Atualmente negociado perto do nível psicológico de US$ 30.000, a US$ 28.936, o BTC registrou uma alta impressionante de 3% nas últimas 24 horas. Esse aumento na demanda por Bitcoin se deve à sua crescente correlação com o ouro, que ultrapassou o nível de 50% e agora está em 57%, conforme dados pela empresa de análise de mercado Kaiko.

Essa correlação entre a moeda digital e o ouro tem aumentado constantemente desde março, quando os reguladores fecharam os bancos amigos das criptomoedas, causando uma crise bancária. Como resultado, os investidores estão se voltando para o Bitcoin como uma alternativa mais confiável ao metal amarelo.

A ascensão das criptomoedas como um ativo de refúgio seguro

O Bitcoin há muito é considerado um investimento arriscado devido às suas voláteis flutuações de preço e falta de supervisão regulatória. No entanto, nos últimos anos, tornou-se um ativo porto seguro para investidores que buscam proteção contra riscos tradicionais de mercado.

Ao contrário das moedas fiduciárias e outros ativos tradicionais, o Bitcoin opera independentemente dos bancos centrais, tornando-o menos vulnerável à inflação e à interferência do governo.

Além disso, a natureza descentralizada do Bitcoin oferece aos investidores maior controle sobre seus ativos e reduz sua exposição a riscos sistêmicos.

Com a capacidade de armazenar e transferir riqueza entre fronteiras sem a necessidade de intermediários, o Bitcoin oferece um nível de liberdade financeira e segurança incomparável com os ativos tradicionais.

BTC/USD reclaims $29K territory and trading at $29,112 on the daily chart at TradingView.com

Sua oferta finita e escassez digital também o tornam uma proteção contra a inflação, pois seu valor não está sujeito aos caprichos de políticas governamentais ou fatores macroeconômicos.

Como resultado, o Bitcoin ganhou cada vez mais reconhecimento como um ativo de refúgio seguro, especialmente em tempos de crise. incerteza econômica e volatilidade do mercado.

Sua capacidade de fornecer aos investidores uma reserva de valor confiável e segura tornou-a uma opção atraente para quem procura diversificar seus portfólios e proteger sua riqueza de ameaças externas.

-Imagem em destaque de AndroidCure.com

Fonte

Leave a Comment