Aliados de Merkel abandonam o parlamento alemão para permitir que conservadores se reconstruam Por Reuters

0 16


BERLIM (Reuters) – Dois aliados políticos da chanceler Angela Merkel, de saída do cargo, e a maioria dos principais ministros abandonarão o Parlamento alemão para abrir espaço a uma nova geração que possa rejuvenescer o seu partido conservador após a derrota eleitoral, disseram.

A decisão de Peter Altmaier, ministro da Economia, e da ministra da Defesa, Annegret Kramp-Karrenbauer, chega durante uma luta interna no campo conservador, após Armin Laschet, outro aliado próximo de Merkel, tê-lo conduzido à derrota mês passado.

O anúncio deste sábado foi feito por Tobias Hans, chefe do Partido Democrata Cristão (CDU), de Merkel, em Saarland — a região natal de Altmaier e Kramp-Karrenbauer –, que se juntou aos outros dois dizendo que o partido precisa recuperar os jovens.

(Reportagem de Thomas Escritt e Andreas Rinke)

Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.


Receba gratuitamente o Guia Prático do Bitcoin.

Credit: Fonte

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.